Author Image
facebook

Passageiro do Futuro

Implantado pela primeira vez em 2001 em Bangu, está há 15 anos, em sua 19a edição, oferecendo oficinas de artes cênicas capacitando jovens técnicos em sonorização, iluminação, figurino, cenário, caracterização, interpretação e preparação corporal e vocal. Em geral alunos da rede pública, entre 14 e 21 anos. Com formato itinerante, permanece ao menos 2 anos em cada comunidade, já atuou em Vila Aliança (Bangu), Vila Kennedy (Bangu), Água Santa, Del Castilho, Rio das Pedras, Andaraí, Engenho de Dentro e há três anos ocupa em parceria com o Sesi/ Firjan o prédio do Cemasi na Ladeira dos Tabajaras (Copacabana). Inúmeros Passageiros estão atuando no mercado do entretenimento, na música, no teatro, na televisão, na moda, entre outros segmentos. Mais de 53 comunidades visitadas com a circulação dos espetáculos, em um total de 190 apresentações, já beneficiamos aproximadamente 67.670 pessoas e 1.400 jovens foram atendidos diretamente em quinze anos de projeto.

O GATO DE BOTAS (2013-2014) Ladeira dos Tabajaras

Alunos do projeto social Passageiro do Futuro fazem dez apresentações gratuitas do espetáculo O Gato de Botas, de Maria Clara Machado, em vários espaços da cidade

Montagem é o projeto final do curso que oferece capacitação para diversas funções técnicas no teatro para jovens entre 14 e 21 anos da comunidade da Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana

 A partir do dia 10 de março (2ª feira), 40 alunos do projeto social Passageiro do Futuro fazem dez apresentações, com entrada franca, da montagem O Gato de Botas, de Maria Clara Machado, em diversos espaços da cidade, como Teatro Ipanema, Teatro Maria Clara Machado- Planetário da Gávea, Espaço SESC Copacabana e o Teatro do Jockey. A montagem é o trabalho de conclusão do curso de cinco meses promovido pelo projeto social (abaixo, serviço completo com a relação dos locais).

A peça escolhida para a apresentação de final de curso, nesta 17ª edição do projeto que capacita jovens para funções técnicas e artísticas do teatro, é uma das mais emblemáticas montagens da autora Maria Clara Machado. Escrita em 1987, conferiu à autora o Prêmio Mambembe, um dos mais importantes reconhecimentos do teatro brasileiro.

O espetáculo acompanha a saga de um gato falante, muito esperto e divertido, que ajuda o seu dono a enriquecer. A escolha do texto nesta edição 2013-14 foi baseada na identificação da turma com a história da peça e, logo na primeira leitura, os alunos se envolveram com a peça. “Sou ex-aluna do Tablado, legado de Maria Clara Machado, estudei com Cacá Mourthé e outros importantes professores de lá. Conheci Maria Clara e adoro seus textos. Já havíamos montado Quem Matou o Leão, outro texto da autora, em Del Castilho, quando o projeto atuava nessa comunidade”, conta Juliana Teixeira, criadora e gestora do projeto social.

Além de apresentar o espetáculo em palcos nobres, com montagem profissional totalmente orientada e supervisionada pelos professores do curso, o projeto Passageiro do Futuro leva a montagem a espaços da comunidade onde está atuando – tal como o Asilo Dom Pedro V – e a escolas.

Sobre o projeto “Passageiro do Futuro:

O projeto, que tem 13 anos de existência no Rio de Janeiro e já fez 17 edições, foi concebido e vem sendo capitaneado pela atriz e produtora Juliana Teixeira. Atua em comunidades, capacitando jovens entre 14 e 21 anos para funções técnicas do teatro, como som, figurino, luz, maquiagem, corpo e voz, além de interpretação. A ênfase do projeto é na capacitação profissional para essas funções técnicas, com o intuito de oferecer aos jovens uma qualificação para o mercado de trabalho, além de dar uma formação artística com a oficina de interpretação. Além das aulas, ensaios e montagem ao final de cada edição, os alunos têm palestras, idas ao teatro, passeios a museus, debates. Todo o rendimento escolar é monitorado, há assistência social para os jovens e os pais/responsáveis, encaminhamento para médico e para tirar documentos.

Presente desde 2010 na Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, onde ocupa em parceria com o Sesi/ Firjan o prédio do Cemasi, o  “Passageiro do Futuro” conta com o patrocínio pelo terceiro ano consecutivo do BTG Pactual. O projeto já passou por diversas comunidades, como Vila Aliança e Vila Kennedy, em Bangu (primeiro bairro atendido), Água Santa,  Del Castilho, Rio das Pedras, Andaraí e Engenho de Dentro. Mais de 1.300 jovens já foram beneficiados pelo projeto, que já formou muitos profissionais que hoje estão no mercado.

Cronograma de Apresentações
Dia 10 de Março de 2014 - Instituto de Educação - Tijuca
Dia 12 de Março de 2014 - Teatro Ipanema - Ipanema
Dia 13 de Março de 2014 - Teatro Maria Clara Machado (planetário) - Gávea
Dia 14 de Março de 2014 - Asilo D. Pedro V - Copacabana
Dia 17 de Março de 2014 - Espaço Sesc Copacabana - Copacabana
Dia 19 de Março de 2014 - C.E. Infante Dom Henrique - Copacabana
Dia 20 de Março de 2014 - C.E. Amaro Calvacanti – Largo do Machado
Dia 26 de Março de 2014 - C.E. André Maurois - Leblon
Dia 27 de Março de 2014 - Instituto Benjamin Constant - Urca
Dia 28 de Março de 2014 - Teatro do Jockey - Gávea
Ficha Técnica
Coordenação - Juliana Teixeira
Administração e Produção - Acacio Velloso
Produção -Ana Maia
Assessoria de Imprensa - Verbo Virtual, Luciana Medeiros, Ciranda Comunicação, Suzana Ribeiro
Assistente Social - Natasha Schneider
Monitor - Robert Rodrigues
Monitora - Maiara Ribeiro
Estagiária - Maíza Viana
Fotógrafa - Andrea Nestrea
Programação Visual - Dudu Damm
Professor de Interpretação - Claudio Handrey
Preparação Corporal e Vocal - Rita Luppi
Professora de Figurino - Nívea Faso
Professor de Caracterização - Francisco Morgado
Professor de Sonorização - Chico Miceli
Professor de Cenografia - Samuel Ramos
Professor de Iluminação - Luiz Oliva
Realização - Nova Bossa Produções Culturais