quemsomos

7 PROJETOS
SÓCIO-CULTURAIS COM
MAIS DE 216.731
PESSOAS BENEFICIADAS!
8 ESPETÁCULOS TEATRAIS,
3 CURTAS E
1 DOCUMENTÁRIO.

VIVA O TEATRO E O
CINEMA! SALVE A
CULTURA BRASILEIRA.

A Nova Bossa Produções Culturais, fundada em 1998, atua nas áreas do teatro, cinema e 3º setor. A nossa missão é realizar projetos culturais diferenciados e levá-los ao alcance de todos os públicos. Sustentando esta filosofia, realizamos na área do 3º setor seis projetos sócio-culturais: o Curta na Praça, Curta na Praça comunidades, Passageiro do Futuro, Caminho da Cultura, Circuito Cine Curta e o Cultura Carioca Expressa. Todos são voltados para os estudantes das redes públicas e suas famílias, pessoas das classes C e D de áreas menos favorecidas da cidade. Durante esses 18 anos de trabalho, no teatro produzimos oito espetáculos:  “Anti-Nelson Rodrigues“, texto de Nelson Rodrigues e direção de Bruce Gomlevsky; “Aos Domingos”, texto de Julia Spadaccini e direção também de Bruce Gomlevsky; “Por Telefone”, texto de Antonio Fagundes e direção de Luís Artur Nunes; “Dá Uma Entradinha Só Para Você Sacar Como Esse Homem Me Ama”, texto de Luiz Carlos Góes e direção de Joaquim Vicente; “Inês De Castro – Rainha Morta”, adaptação de Marcílio Moraes e direção de Marcello Escorel; “Tudo no Escuro”, texto de Peter Shaffer e direção de Marcus Alvisi; “Um Gosto De Mel”, adaptação e direção Amir Haddad e “Cuidado, Patricinha!”, texto e direção Eduardo Dusek.

No cinema, os filmes de curta-metragem “Deus Vai Nos Ajudar”, “Ratoeira”, “A Breve Estória de Candido Sampaio” e o documentário “Caminho da Cultura”, de Pedro Carvana, completam os trabalhos da produtora.

 

Atriz Juliana Teixeira Outubro de 2001 Rio de Janeiro (RJ) FotoATRIZ E PRODUTORA

JULIANA TEIXEIRA
Atriz e produtora cultural, ingressa adolescente na escola O Tablado e posteriormente na CAL. Começou a atuar aos 15 anos em campanhas publicitárias, como o lançamento da Pepsi no Brasil. Viaja para Nova Iorque (1986- 1989), para formação de teatro e dança. De volta trabalha em novelas na TV Globo, no cinema e no Teatro.
Em 1998 funda a Nova Bossa Produções Culturais e começa a produzir espetáculos teatrais e filmes de curta metragem, a partir de 2001 implementa o primeiro projeto sociocultural, o Passageiro do Futuro, existente até hoje.

 

Acacio
PRODUTOR CULTURAL

ACACIO VELLOSO
Formado em Turismo e Hotelaria, iniciou na área de produção realizando eventos corporativos em hotéis, e festas na cidade de Nova Friburgo – RJ. Em 2003 começou a trabalhar na Nova Bossa Produções Culturais como assistente de produção, realizando projetos socioculturais e filmes de curta metragem.
Em 2005, depois de cursos de extensão e vasta experiência, tornou-se sócio e produtor executivo, realizando com sucesso os projetos sociais da empresa. Vale destacar sua participação na turnê brasileira e internacional com o espetáculo teatral Inês de Castro– Rainha Morta.