Author Image
facebook

Curta na Praça Comunidades

Realizado desde 2008, durante cinco anos consecutivos visitou as localidades do Complexo da Maré,  Complexo do Alemão, Cidade de Deus, Del Castilho, entre outras comunidades violentas, do entorno da Linha Amarela. Surgiu do desejo de levar as famílias às praças públicas e espaços de grande circulação, para conhecer o Brasil através da recente produção de filmes brasileiros de curta metragem dos gêneros documentário, animação e ficção. Resgatar os programas em família e a ocupação dos espaços públicos com atividades culturais. As sessões acontecem aos sábados e domingos, as 18:30 e 20:30, com exibição de filmes de censura livre, e distribuição de combo refrigerante/ pipoca. Após as sessões votação e bate papo com  distribuição de brindes. Contratação de mão de obra local para auxiliar na montagem e divulgação do evento. Apresentou 165 sessões, levando para o cinema 39.365 espectadores, entre 2008 e 2012.

2009 – ENTORNO DA LINHA AMARELA

“Cinema, pipoca e refrigerante de graça”

Projeto CURTA NA PRAÇA programa família levou às praças e escolas municipais de comunidades pobres do entorno da Linha Amarela.

Gratuita, programação exibiu curtas de animação, ficção e documentários sem cenas de violência, sexo ou drogas

Gratuita, antenada e familiar. Assim é a programação exibida pelo CURTA NA PRAÇA, projeto que levou a magia do cinema a lugares sem salas de projeção a uma platéia que, mesmo vivendo em uma grande cidade como o Rio de Janeiro, não tem condições financeiras de frequentar o circuito cinematográfico carioca. Idealizado pela Bossa Nova Produções Culturais e patrocinado pelo Instituto Invepar, braço socioambiental da Linha Amarela, o CURTA NA PRAÇA percorreu, entre os dias 9 de junho de 11 de julho, praças e escolas municipais de comunidades pobres do entorno da Linha Amarela, no Complexo da Maré, Água Santa, Del Castilho e Bonsucesso, promovendo animadas sessões de curtas-metragens.

O telão e as cadeiras foram montados sob uma lona com capacidade para 500 pessoas, dentro da qual espectadores de todas as idades tiveram acesso a curtas-metragens que normalmente só seriam vistos em festivais específicos do gênero. Logo na entrada, todos receberam um combo de pipoca refrigerante.

Durante uma hora e meia, quatro filmes de animação, ficção e documentários desfilam estórias, personagens e situações cotidianas com as quais a plateia se identifica, se vê retratada ou simplesmente se diverte. Nenhum dos curtas exibe cenas de violência, sexo ou drogas, mas sim temas que fazem crianças, jovens, adultos e idosos pensarem ou apenas sonharem no escurinho do cinema.

Para muitas pessoas, o CURTA NA PRAÇA representa a primeira ida ao cinema. “Democratizar o acesso ao cinema é o principal objetivo do projeto. O cinema é muito caro para quem ganha tão pouco, como é o caso dos moradores daquelas comunidades. Tem gente que fica deslumbrada com o número de cadeiras e com o tamanho da tela. Famílias inteiras assistem à programação”, conta Juliana Teixeira, idealizadora do CURTA NA PRAÇA.

Atriz e produtora de cinema, Juliana explica que a escolha de curtas em detrimento dos longas é para dar um panorama da produção nacional. “No tempo em que normalmente se exibe um longa-metragem, exibimos em média, quatro curtas de temática atual e variada, o que serve para situar o público diante cinematografia brasileira”, diz.

Seleção de Filmes

Juro que vi Matita Pereira - Humberto Avelar

O Sapo - Adolfo Sarkis

Vaidade - Fabiano Maciel

Boca a Boca - Allan Pinheiro

Juro que vi Curupira - Humberto Avelar

O Sete Trouxas - Marcio Schoenardie

Dona Carmela - Iziane Filgueiras

Radio Gógó - Jose Araripe Jr

Cine Holiudy - Halder Gomes

Juro que vi Saci - Humberto Avelar

O Sete Trouxas - Marcio Schoenardie

Dedicatórias - Eduardo Vaisman

Multiplicadores - Lula Carvalho e Renato Martins

Boca a Boca - Allan Pinheiro

10.090 Beneficiados em 40 Sessões

Cronograma de Apresentações
Beneficiados 7.011 Espectadores em 13 Sessões

14 de Junho - PRAÇA VIOLETA
920 espectadores

20 e 21 de Junho - CAMPO ÁGUIA DE OURO
3.080 espectadores

27 de Junho - QUADRA VILA DO JOÃO
960 espectadores

04 de Junho - COMUNIDADE BENTO RIBEIRO DANTAS
920 espectadores

11 de Junho - COMUNIDADE AGRÍCOLA DE HIGIENÓPOLIS
931 espectadores

17 de Junho - CENTRO DE ARTES CALOUSTE GULBENKIAN
200 espectadores

Beneficiados 3.079 alunos da rede pública em 27 Sessões

09 de Junho - E.M BRIGADEIRO FARIA LIMA - ÁGUA SANTA
700 espectadores

10 de Junho - E.M VIRGILIO DE MELO - ÁGUA SANTA
659 espectadores

16 de Junho - E.M SAMOURA MARCHAEL - MARÉ
1.000 espectadores

18 de Junho - E.M ELIS REGINA - MARÉ
720 espectadores
Ficha Técnica
Idealização e Coordenação - Juliana Teixeira
Direção de Produção - Roberto Freitas
Produção Executiva e Administração - Acacio Velloso
Produção Executiva e Coordenação de Divulgação - Leo Braga
Animadora Cultural - Nega Gizza
Assessoria de Imprensa - Primeira Linha Comunicações
Fotógrafos Still - Ana Rodrigues e Daniel Chiacos
Equipe de Filmagem - Duck Produções
Programação Visual - Eduardo Damm
Equipe de Divulgação - Alunos do Projeto Caminho da Cultura
Equipe de Iluminação - Alunos do Projeto Passageiro do Futuro
Autoração DVD - Youle
Secretária - Leticia Mota
Equipe de Projeção e Sonorização - Projecine
Equipe Pipoca - Pipocando
Equipe de Montagem - Renato, Cleber e Magrão
Realização - Nova Bossa Produções Culturais